QUIROPRAXIA NA GRAVIDEZ !

Quiropraxia diminui Dores na Gravidez e facilita em 30% no Trabalho de Parto.

É um grande equívoco que o tratamento quiroprático em mulheres grávidas pode ser perigoso. Pelo contrário, são elas as mais beneficiadas.  Estudos recentes demonstraram que o tratamento quiroprático não só é bom para a gestante, mas também é altamente benéfico para o bebê no útero.

Uma mulher grávida passa por diversas mudanças físicas, hormonais e neurológicas enquanto o bebê cresce no seu ventre. Com tantas mudanças e crescente peso, tem efeitos profundos sobre a postura da mãe. A localização do bebê na área do abdômen (frente), a ampliação do peito e da pressão sobre os quadris das mulheres grávidas, pernas e costas altera significativamente o seu centro de gravidade para que seu corpo superior tem de se inclinar para trás para compensar. Isto sobrecarrega e estressa sua coluna e pode resultar em dor lombar.

O tratamento de Quiropraxia pode tornar tudo isso menos traumático para as gestantes e ao bebê. As principais áreas de estresse  para uma mãe grávida, tais como a parte inferior das costas, pélvis, coluna e quadris, são os principais pontos tratados por um especialista em quiropraxia. No entanto, o método de quiropraxia regular usada pelo especialista, tem que ser modificados de acordo com a condição física de uma mulher grávida, pois os ligamentos presentes são mais suaves e, portanto, o quiropraxista tem que usar menos força.

A maioria das mulheres grávidas que passaram por tratamento quiroprático, confirmou que visitas regulares durante a gravidez para alinhamento da coluna, contribuiriam consideravelmente o desconforto e o estresse nas costas. A pesquisa mostra que o tratamento quiroprático durante a gravidez reduz o tempo de trabalho de parto em quase 30%.

Esta entrada foi publicada em Materias. Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>